sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

voz

Espelho
Prata
Voz ouvinte
Seguinte

Sensação
Sabor
Espelho que volta e limita
Apenas imita
Ovação
Resplendor
Algo como dor, angor

Velho
Voz
Sonho insiste
Prata reflecte e desiste

Diz
Faz
Sente
Serena
Peso dormente
Fogo intenso
Descobre a mão que acolhe
Escolhe

Espelho de prata
A voz persiste

2 comentários:

Tânia disse...

No minimo misterioso. Mas gosto.
:)

Beijinhos

Vieira MCM disse...

Espelho... Talvez onde reside a verdade da nossa essencia. Se olhar-mos para lá dele, para lá da prata.

Beijinho

Vieira MCM

Pesquisar neste blogue